Após articulação de João Roma, operação do Cine Glauber Rocha será continuada

Foto: Julio Dutra

Após articulação conduzida pelo ministro da Cidadania, João Roma, o Cine Glauber Rocha terá sua operação continuada. Nesta quinta-feira (16), o Itaú Cultural, que operava o espaço, anunciou o fechamento do cinema. Contudo, graças às negociações, todos os equipamentos e instalações foram cedidos para os atuais sócios do Glauber Rocha, o que garantirá o funcionamento.

“O Itaú sempre foi parceiro da cultura brasileira e, por anos, apoiador do Carnaval de Salvador. A pandemia afetou os cinemas, impôs mudanças na sua política de patrocínios culturais e o fechamento de alguns cinemas do Itaú pelo Brasil. Com a articulação, negociação, diálogo com o Itaú e a intermediação da Febraban, chegamos a uma solução que garantirá a continuidade da operação do espaço”, disse o ministro.

“Todos os equipamentos e instalações foram cedidos para os atuais sócios do Glauber Rocha que, após ajustes na comunicação visual, reabrirá, sempre destacando o cinema brasileiro e projetos especiais formadores de plateia”, complementou.

O anúncio de fechamento provocou grande repercussão no estado, uma vez que o Cine Glauber Rocha é o único cinema de rua de Salvador. Além do cinema, o espaço ainda conta com uma livraria, um café e restaurante, sem contar no terraço que garante uma vista privilegiada para a Baía de Todos-os-Santos.

Acompanhe nosso mandato:Fique por dentro dos detalhes do nosso mandato, da nossa luta pela Bahia, e esteja sempre bem informado sobre as novidades do Congresso Nacional.