João Roma defende decreto que assegura descontos na conta de energia elétrica dos trabalhadores rurais

O decreto em vigência prevê ainda a extinção do desconto em cinco anos, o que acarretaria num aumento significativo de 43% na conta de energia destes trabalhadores, desestimulando a atividade e encarecendo vários produtos da cesta básica dos brasileiros.

João Roma discursa na Câmara dos Deputados em Brasília
João Roma discursa na Câmara dos Deputados em Brasília

Relator do Projeto de Decreto Legislativo nº 7/2019, que dispõe sobre a preservação dos descontos já concedidos na tarifa de energia elétrica dos trabalhadores rurais e irrigantes, o Deputado Federal João Roma (PRB/BA) apresentou parecer favorável, na forma do seu texto substitutivo na Comissão de Minas e Energia (CME), a fim de sustar os efeitos do Decreto nº 9.642/2018 que cancelou os subsídio de forma gradativa desde 01 de janeiro de 2019.

Só na Bahia são mais de 40 mil empreendedores rurais irrigantes e o uso da energia elétrica para o bombeamento mecânico e irrigação da lavoura tornou-se um dos maiores custos da produção. João Roma afirma que manter os descontos na conta de energia elétrica destes trabalhadores é estimular a produção e movimentar a economia, gerando emprego, renda, e diminuindo as barreiras de competição neste setor.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*